Transplante de pulmão será realizado pela primeira vez no Paraná em hospital credenciado pelo SUS

Escrito por em 15 de fevereiro de 2018

 O Paraná é o quinto estado a ter um hospital credenciado para realizar transplantes de pulmão pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O Hospital Angelina Caron, de Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, projeta a primeira cirurgia para ocorrer a partir de abril.

Um grupo de 11 pacientes começou a ser avaliado em novembro de 2017 por uma equipe multidisciplinar de pré-transplante. Desses, oito são considerados em potencial e estão sendo preparados para fazer o transplante – que nunca foi feito no estado.

No último ano, foram realizados 112 transplantes de pulmão no Brasil.

Preparação

“A preparação bem feita é determinante para ter um bom resultado. Normalmente, são de três a seis meses para isso”, afirma a pneumologista Orjana Araújo de Freitas, que integra a equipe do hospital.

Ela explica que para o transplante são selecionados pacientes com alto risco de morte e que já esgotaram outras possibilidades.

Segundo a pneumologista, muitos pacientes que aguardam por um transplante chegam para as avaliações abaixo do peso, que é preciso recuperar, assim como fazer preparação muscular, visto que a estrutura física é importante para o pós-operatório.

“Também avaliamos o perfil psicológico e social. É uma mudança grande de vida”, diz Orjana. Em geral, os candidatos são pessoas com enfisema pulmonar, fibrose pulmonar, fibrose cística, hipertensão pulmonar ou com alguma doença rara.

Do preparo ao pós-operatório, o transplante – que dura cerca de 10 horas – exige procedimentos complexos. A compatibilidade entre doador e paciente, por exemplo, depende até do porte físico. “É preciso se atentar a cada detalhe para que dê certo”.

Rede de transplantes

Conforme o Ministério da Saúde, apesar do transplante de pulmão ser oferecido em apenas cinco estados, não inviabiliza que pessoas de todo o país sejam atendidas, uma vez que a lista de espera é única.

O SUS conta com o maior sistema público de transplantes de órgãos do mundo, segundo a pasta. No Brasil, 87% dos transplantes de órgãos são feitos pelo SUS.

Hospitais que podem fazer transplante de pulmão:

  • Hospital Ana Nery (BA)
  • Hospital de Messejana (CE)
  • Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (RS)
  • Hospital das Clínicas de Porto Alegre (RS)
  • Hospital Israelita Albert Einstein (SP)
  • Instituto de Coração (SP)
  • Hospital de Base de São José do Rio Preto (SP)
  • Hospital Angelina Caron (PR). A rede brasileira conta com 27 centrais estaduais de transplantes, 13 câmaras técnicas nacionais, 494 hospitais cadastrados e 1.244 equipes habilitada. Além disso, existem 70 organizações de procura de órgãos e 62 bancos de tecidos.
Marcado como

Opinião dos leitores

Deixe uma resposta


Continuar lendo

Educadora 90.9

Jacarezinho

Current track

Title

Artist

     Uma Emissora da Rede Educadora de Comunicação e Evangelização.

Background